250 volts

Dez/16.

São 30 hectares de vinhedos em Flores da Cunha, região de Altos Montes no RS. A Viapina Vinhos, de slogan, “uma grife de vinhos”, cultiva as castas Cabernet Sauvignon, Merlot, Marselan, Cabernet Franc, Nebbiolo, Pinot Noir, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Viogner, Prosseco e Sauvignon Gris. A Viapiana iniciou comercialmente em 1986, sendo o ano de 1999 o ingresso dos vinhos finos. O vinho de mesa acompanha a família desde 1980. Organizada e arrojada em seus propósitos, o proprietário e enólogo Elton Viapiana dispõe de estrutura de produção, comercialização e entretenimento enoturístico reunidos na funcional sede projetada em Flores da Cunha. O posicionamento dos produtos estão divididos em: Ícone, Gran Premium, Premium e Jovem. O tinto ícone, Gerant* Cuvée Prestige, não safrado, corte secreto das uvas, 13 meses em barricas de carvalho e mais 36 meses em garrafas antes da comercialização é ofertado por valores superiores a R$300, o estandarte da “grife” Viapiana. (*)é uma homenagem aos fundadores Gervásio Viapiana e Antonio Viapiana.

viapinana2

VIAPIANA 250 DIAS BRUT CHAMPENOISE. Flores da Cunha/RS com Indicação de Procedência (IP). Produzido com a Riesling Itálico, método tradicional, não safrado, aproximadamente 8 meses em contato com as leveduras. Interessante abordagem comercial apresentar o tempo de contato com as leveduras em dias, dando origem ao nome “250”, e não apenas no contra rótulo calculado em meses. Na taça apresenta didática cor amarelo citrino, límpido e jovem. Perlage bem construído, de coroa efervescente e barulhenta como um antiácido. Aromas predominantes de frutas cítricas de polpa branca e de pouca maturação. Na boca é um verdadeiro sorbet de limão siciliano, vigoroso, acidez tremenda que chega a franzir os olhos, limpa o paladar com enorme refrescância. Corpo ligeiro para mediano com um finalzinho de boca de leveduras que surpreende e o eleva em qualidade. Não é tão seco quanto se possa imaginar, apesar do cítrico pronunciado aporta uma discreta e interessante suavidade. Teor alcoólico de 11,5%. Boa opção para um degrau acima do estilo charmat feito de forma mais elaborado, um nicho champenoise que aporta introdutório requinte, versatilidade, refrescância e preço honesto. Custa na faixa de R$60. 


AVALIAÇÃO:

3 saca rolha

PREMISSAS:

P2|R3|E3

Conheça nosso Sistema de Avaliação .