Golden Crown

Jan/18.

Arthur Metz desde 1904 é conhecido na França como sendo uma vinícola com enorme senso de oportunidade e capricho no que faz. Opositores provocam com teses de oportunismo, seu Crémant Non Vintage está entre os mais vendidos e apreciados nos principais países europeus, um espumante do dia a dia. Até 1998 a sede comercial da Metz era apenas em Paris. A legislação mudou e foi necessário enraizar-se em território onde as vinhas dão origem aos seus vinhos. Michel Laugel produtor alsaciano estabelecido em 1889 tornou-se parceiro da Arthur Metz que fincou pé no endereço mais cobiçado da Alsácia – Couronne d’Or (“Golden Crown”), no village de Marlenheim. Atualmente mais de 500 pequenos produtores fornecem as uvas dos vinhos da maison – Riesling, Gewurztraminer, Pinot Gris, Pinot Blanc, Sylvaner e Muscat. Com alta tecnologia e know how, produzem vinhos de grande tiragem e alguns exemplares de grand cru, notáveis, como prova de suas ambições e propósito. Clique aqui. Crémant oficial do festival de Cannes.

perle2

ARTHUR METZ PERLE NOIRE NV. Alsácia/França. 100% Pinot Blanc com estágio por 18 meses sobre as lias. Apresenta amarelo palha, ainda jovem – reflexo citrino, coroa bem formada, perlage fino e persistente. No olfato predominância floral, orquidário, frutas de polpa branca. Na boca o ataque é cítrico – lembra bastante maça, acidez  vibrante, agudo, nervoso a procura de um queijo gordo. Perfil refrescante precisa necessariamente estar bem refrigerado para aguçar e provocar a Pinot Blanc. Torna-se excelente pedida com mariscos servidos à beira mar. Se preferir uma pitada de sofisticação, canapés vai muitíssimo bem devido ao final levemente amanteigado que aporta sutil elegância. Belo Crémant D’Alsave para dias de calor. Ousadia harmonizá-lo com apfelstrudel. Sem importador no Brasil. Custa na faixa de U$25. No Brasil especulo uns R$150, com sorte.


AVALIAÇÃO:

3 saca rolha

PREMISSAS:

P2|R3|E3

Conheça nosso Sistema de Avaliação .