Sem bica aberta

Nov/17.

Anselmo Mendes é cientista, dizem por lá! O Engenheiro agrônomo começou, em Monção, na adega artesanal dos seus pais a ensaiar a fermentação de Alvarinho em madeira com diferentes origens, tostas e tamanhos, e foram dez anos de experimentações. Perfil estudioso, sem preconceitos e rigor técnico – virtudes que o mercado relaciona inevitavelmente aos seus vinhos brancos feitos com Alvarinho. Dentre suas vinificações em branco três métodos: Curtimenta: quando as partes sólidas acompanham o mosto durante a fermentação, isto proporciona vinhos mais corados e mais encorpados; Meia curtimenta: quando as partes sólidas apenas acompanham parte da fermentação do mosto, ou então apenas 50 a 60% das partes sólidas são retiradas do mosto; Bica aberta: quando ocorre separação das partes sólidas do mosto antes de se iniciar a fermentação. Pode ou não haver depuração, ou seja, pode-se retardar a fermentação 24 a 48 horas para que as impurezas se depositem e o vinho fique livre de detritos. Anselmo, dentre suas inserções comerciais no Brasil, reserva espaço para consultoria técnicas as vinícolas Quinta da Neve da Serra Catarinense e Hermann com vinhedos no Rio Grande do Sul.

curtimenta2

ANSELMO MENDES CURTIMENTA 2011. Melgaço, região dos Vinhos Verdes/Portugal. Branco colheita 100% Alvarinho, sub região de Monção e Melgaço feito a “moda antiga”, fermenta parcialmente com as películas (curtimenta) e estagia em barricas usadas durante 9 meses “na mãe” (sobre as borras totais), relata o produtor em memória  dos sabores antigos! Na taça apresenta amarelo palha transitório ao dourado, denso, textura oleosa. Lágrimas numerosas e lentas. Olfato que lembra geleia de damascos e licor de butiá – envolvente (uau!). O álcool (13º) aparece levemente volátil. Na boca acidez presente, saliva-se em abundância, mastigável, macadâmia, pão de ló, queijo Gruyère, fruta tropical exótica (indecifrável cítrico), leve mineral em camada sutil. Final persistente, profundidade de um branco provocativo. Anselmo Mendes entrega um Alvarinho delicioso, alia virtudes de um tinto leve e um branco encorpado. Está no ponto de consumo. Harmonizou perfeitamente com Brandade de Bacalhau onde 2+2=4. Custa na faixa de R$250 em períodos % de descontos na importadora. Produção limitada em 3.000 vasilhames.


AVALIAÇÃO:

5 saca rolha

PREMISSAS:

P3|R5|E5

VALORIZAÇÃO:

vasilhames2

Conheça nosso Sistema de Avaliação .